Disco da Semana | Arthur Verocai [1972]

Salve Povo do BEN!

Numa relax, numa tranquila, numa boa???

Ontem estava ouvindo Cassius Marcelo Clay do disco Negro é Lindo (1971) e fui procurar quem fez os arranjos, Arthur Verocai... ah tá! Aí é a hora que lembro do DJ Fausto "Você ainda é fióte.", confesso, porque fiquei chapado com este disco do Verocai, conhecia apenas a música Presente de Grego, aí descubro que é um dos discos mais cultuados da história da música tupiniquim e ganhou status de raridade entre diggas de todo o planeta Terra. #cabuloso

O disco contou com um time da pesada, saca aí: Helio Delmiro (guitarra), Robertinho Silva, Paschoal Meirelles (bateria), Luiz Alves (baixo), Aloysio Aguiar (piano), Nivaldo Ornellas, Paulo Moura (sax), Oberdan (sax, flauta), Edson Maciel (trombone), Celia, D. Carlos, Gilda Horta, Jose Carlos, Luiz Carlos, Paulinho, Toninho Café, Toninho Horta (vocais). #maiscabulosoainda



Nascido no Rio de Janeiro em 17 junho 1945, Arthur Côrtes Verocai começou sua carreira profissional na música em 1969 e já nos anos seguintes era responsável pelas orchestrações dos albums de: Ivan Lins, Jorge Benjor, Elizeth Cardoso, em Quarto em Cy, Gal Costa,Célia, Erasmo Carlos, O Terço, MPB 4 e Marcos Valle, entre outros. Nos anos 1970 foi contratado pela TV Globo, como o diretor musical de programas e escreveu os arranjos para muitos shows , novelas, musicais, etc...

Seguindo o sucesso, Arthur teve participação na produção dos albuns de Ivan Lins 1971 "Agora",1972 "Deixa o trem seguir", 1974 "Modo Livre". Arthur fez seu primeiro album na gravadora Continental quando desafiou as convenções musicais do época, combinando influências brasileiras com a alma folksy e as experimentações baixo-lo-fi eletrônicas de artistas americanos como Shuggie Otis ou a orquestração do produtor Charles Stepney.



Arthur Verocai [1972]

01 - Caboclo
02 - Pelas Sombras
03 - Sylvia
04 - Presente Grego
05 - Dedicado a Ela
06 - Seriado
07 - Na Boca do Sol
08 - Velho Parente
09 - O Mapa
10 - Karina (Domingo no Grajaú)

Baixe este disco aqui.



No mais... aquele abrAÇO e "vamo sacudir bonito, oiê sacode..."

Yuga

4 comentários:

17 de dezembro de 2009 11:17 jimmyluidg disse...

Realmente uma santa raridade este disco de Arthur Verocai. Quando descobri a musica Sylvia, fiquei tão fascinado que resolvi regravá-la no PC em casa só para ter a sensação de estar tocando num palco. Assim descobri uma linda sequência harmônica de acordes em que o Mizão (E) do violão é baixado para Ré (D). Sensacional!!! Vida Longa ao genial Arthur Verocai. Abraços e Parabéns pelo Post.
Jimmy Luidg - Musico, Designer, Produtor
www.twitter.com/jimmylap
www.jimmyluidg.wordpress.com

19 de dezembro de 2009 11:33 mario disse...

Muito foda;...ele contribuiu nos arranjos do ultimo album do quantic,Quantic and his Combo Barbaro:tradition in Transition.Brasilidade em peso!...

30 de dezembro de 2009 11:41 Bruno disse...

Cara, sem comentários pra esse achado. Viajando numa Hellmann's aqui que é du caraio! Muito foda!

(Rá! Agora eu sei de onde veio aquela maravilhosa musicalidade do O TERÇO!)

17 de janeiro de 2010 22:17 Black Sonora disse...

opa... realmente este disco foi o achado do ano, até agora derretendo com o som chapado. o Fausto deu uma ótima definição "Clube da Esquina tocada pela Black Rio".., rs

Postar um comentário

 
 
BlogBlogs.Com.Br